Preço da carne bovina cai com diminuição do consumo

O mercado físico do boi gordo segue com preços em baixa. O analista de Safras & Mercado, Fernando Henrique Iglesias, salienta que o arrefecimento do consumo da carne bovina, que está pressionando também os preços da proteína animal no atacado, diminuiu o apetite comprador de matéria-prima dos frigoríficos. 

No mercado atacadista, os preços da carne bovina ficaram estáveis. “Para os próximos dias, a tendência é de queda nos preços, tanto pela natural retração do consumo em períodos de final de mês como pela total falta de condições do brasileiro médio de absorver os fortes reajustes que voltaram a ocorrer no início de fevereiro, que parte para alternativas mais em conta, principalmente a carne de frango”, analisou Iglesias.

Assim, o corte traseiro permaneceu em R$ 14,60 o quilo. A ponta de agulha seguiu em R$ 11,55 por quilo. Já o corte dianteiro continuou em R$ 12,50 por quilo.

Fonte: Canal rural

LEIA TAMBÉM

Deixe um comentário